fbpx

Inteligência emocional – Imersão: acorde a sua mente

Participei da 78ª imersão: acorde a sua mente, com os palestrantes Marcos Fiel e Sidney Vanelli. O evento sobre inteligência emocional aconteceu no final de semana dos dias 14 e 15 de maio no Hotel Dayrell em Belo Horizonte. 

Ao chegar no local me chamou a atenção a quantidade de pessoas aglomeradas no saguão do hotel, aguardando a abertura das portas. A fila para o credenciamento estava bem sinalizada e tinha uma quantidade razoável de pessoas para atendimento.

Após o credenciamento, me dirigi à entrada do auditório e do lado de fora dava para ouvir a música alta que vinha lá de dentro, estava tocando Uptown Funk de Bruno Mars. Quando as portas se abriram, foi formado um corredor de pessoas para nos recepcionar, com bastante energia e vibração.

Percebi que o local estava todo preparado com telões, luzes e som, além de um DJ no fundo do salão. Havia um kit com caderno de anotações, caneta e biscoito, colocados dentro de uma sacolinha verde, que ficava em cima de cada cadeira do local.

Me sentei bem à frente e pude ver algumas pessoas dançando no palco e também próximas a ele. Ao término da música, subiu ao palco uma animadora de plateia. Ela informou como iria funcionar as coisas, e fez várias interações com o público, além de dar o seu testemunho sobre a transformação que ela passou nos últimos anos.

Ela fez um sorteio do livro Emocionais do Marcos Fiel, além de chamar 3 pessoas da plateia para subirem no palco para participar de uma dinâmica ao som de várias músicas. Logo após a dinâmica, foi exibido no telão um clipe com frases de impacto, locução e música para dar um clima de autoridade em quem estava por vir.

Quem veio aqui para acordar a mente?

Essa foi a primeira frase do Marcos Fiel. O palestrante subiu ao palco com bastante energia e vibração. E logo depois começou a imersão. O que vem a seguir é o meu relato de tudo o que aconteceu de mais importante nos dois dias de evento. Espero que goste.

Relevante vs. Zumbi

Na vida, ou você é relevante ou você é um zumbi. Não tem como ser as 2 coisas.

E é muito fácil identificar um zumbi.

Quando você encontra um zumbi e pergunta pra ele como as coisas estão ele diz: “tá tudo bem”.

Quem são os zumbis:

  • Pessoas que entregam menos que o combinado.
  • Reclamam de tudo e de todos.
  • Gosta de terceirizar a responsabilidade pela sua falta de resultado.
  • E o pior de tudo é que essa pessoa não faz o que tem que ser feito.

Elas são como um vírus. Se você ficar do lado de um delas, aquela vibe acaba te contaminando também.

Agora, tem outro lado, que é o relevante. É fácil saber quem é relevante. Quando você se torna relevante, as pessoas ao seu redor percebem.

É aquela pessoa que mudou sua mentalidade e entrega mais do que o combinado. Faça o que precisa ser feito e não terceirize os seus resultados a ninguém. O problema é que quanto maior a relevância, maior é o sacrifício.

Tem alguém que é casado ou está namorando aqui? Me diz uma coisa, ele(a) está entregando mais que o combinado? Fala a verdade.

Muitas pessoas querem ser relevantes, mas poucos fazem o que é preciso ser feito.

High-five

Give me five, man! Bate aqui (na mão), cara!

High-five é o ato de levantar a mão e bater a palma da mão aberta contra a mão aberta de outra pessoa, quando se quer comemorar algo com alguém.

Todas as vezes em que os palestrantes fecham um conteúdo, é dado um comando para que os participantes dêem um high-five com as pessoas que estão próximas à elas.

Marcio Giacobelli e eu.

Cérebro Estagnado

Quem tem o cérebro estagnado:

  • Decidiu ficar parado.
  • Acredita que precisa se esforçar para prosperar.
  • Não acredita que a profissão e a forma de aprender mudaram.
  • Não sabe gerar recurso.
  • Só sabe um caminho.

Só sabe quem faz:

  • Você quer aprender como quebrar uma empresa?
  • Quer ficar acima do peso? Pronto! Você já sabe quem pode te ensinar.
  • Precisamos aprender a valorizar o saber.

Quem não tenta não faz:

  • Quando você diz que “vai tentar”, você dá uma meta que é “tentar”, e se não conseguir tá tudo bem.
  • Você precisa parar de tentar, tem que conseguir.
  • Quem tenta e não faz, tem uma “justificativa real”.
  • A mente cria justificativas o tempo todo.

Você tem aquilo que tolera:

  • Quantos aqui toleram o vitimismo, a pobreza?
  • Pobreza é “improdutividade” de dinheiro, network e etc.
  • Uma pessoa improdutiva é uma pessoa pobre.
  • Decida viver uma vida que faça sentido.
  • Hoje é o “dia do basta”!
  • Basta você está disposto a desaprender.

Você não começa a ficar rico no bolso, mas na mente.

Não seja aquela pessoa esforçada e trabalhadora, que não tem tempo para cuidar da família.

Também não seja um mentiroso ou um azarado:

  • Ninguém quer ter em sua empresa um mentiroso ou um azarado, por motivos óbvios.
  • O mentiroso é aquela pessoa que não tem credibilidade com ninguém.
  • O azarado é aquele que diz que se um dia comprar um circo, o anão vai crescer.Tudo que ela fizer vai dar errado.

Como que eu faço então para ter sorte?

  • Preparação, disponibilidade para quando a oportunidade chegar e é preciso desapegar.

Só multiplica quem serve:

  • Fruto do trabalho é esforço e cansaço.
  • Fruto de quem serve é o transbordo e a prosperidade.

O aprendizado acontece no estado ativo.

  • Aprender qualquer um aprende, a virtude está em desaprender.
  • É verdade porque dói.

5 tipos de pessoas:

  1. Não acredita (ruim).
  2. Só acredita vendo (bom) – Está aberto a acreditar, pois tem conhecimento, gosta de certificado. Acredita que precisa de algo a mais para ter resultado. Valoriza o currículo.
  3. Crença – (não é bom, nem ruim) Ele acredita. A sua crença depende de quem anda com ele. É bastante influenciável.

Daqui pra baixo a sua vida nunca mais será a mesma.

  1. Fé – Abstinência total de dúvida. Não desiste, é inabalável. É o que ele vê, e não o que os outros vêem.
  2. Fruto – É o fato consumado, é algo que já aconteceu. Está transbordando na vida dos outros. Teve que desaprender várias coisas.

Quem é você? Com quem você anda?

Quem muda decide

Quem quer mudança rápida, toma decisão rápido.

Tem pessoas que são como um “carro velho”, parece que está correndo, mas não está. Gostam de andar na pista da esquerda, e quando olham pelo retrovisor , vê um carro com cara de bravo, manda passar por cima.

A inveja é uma doença. Você tem que abençoar o que deseja. A ingratidão também é, pois você só valoriza aquilo que não tem.

O orgulho mata o propósito.

Conversar através de perguntas. Se você não tiver boas perguntas, você não terá boas respostas para a sua vida.

As respostas estão dentro de você. O medo paralisa.

O problema não é ter resultado. Você precisa resolver um grande problema.

Já parou para pensar na diferença entre um barbeiro e um neurocirurgião?

Fases:

  1. Quer mas não pode.
  2. Pode e quer.
  3. Pode mas não quer agora.

Você quer 99% de fidelidade?

Agora que você já sabe, o que vai fazer com isso?

A prática leva a permanência.

Aquilo que o nosso cérebro não experimenta, acha que é frescura.

Abundância é a ausência da ausência.

Círculo vicioso

Quais dos comportamentos ou sentimentos abaixo você se identifica?

  1. Procrastinação.
  2. Não terminar.
  3. Não começar.
  4. Medo.
  5. Não conseguir dizer “não”.
  6. Desconfiança.
  7. Auto sabotagem.
  8. Dúvida.
  9. Tristeza.
  10. Escassez.
  11. Preguiça.
  12. Pensar demais.
  13. Vícios.
  14. Inferioridade.
  15. Atraso.
  16. Indecisão.
  17. Inveja.
  18. Pessimismo.
  19. Raiva.
  20. Rancor.
  21. Raiva.
  22. Dependência.
  23. Ingratidão.
  24. Ciúmes.
  25. Insuficiência.
  26. Orgulho.

Não é o “como”, quando você descobre “o quê”, este te dá todas as resposta.

Não caia nessa armadilha. Vença ela. Existem três palavras que podem acabar com meu desenvolvimento.

As três palavras são: Eu já sei.

Bloqueios

Somos bloqueados em algum nível.

O propósito da vida é crescer, prosperar e transbordar.

Quem foca na conquista pode cair na armadilha do egoísmo. Egoísmo é pensar só em você.

Não é a conquista que dá sentido à vida, é a evolução.

A mente se adapta às coisas boas e ruins.

A intenção do bloqueio é te proteger.

À medida que você muda de nível você tem que lidar com bloqueios maiores.

Se você não pagar o preço, você não sai do lugar.

Você está disposto a pagar o preço para subir de nível?

Quais armadilhas te impedem de subir de nível?

  • Egoísmo.
  • Acomodação (pra quê que eu vou fazer mais?)
  • Medo (o medo paralisa e é algo que sua mente cria, ele não é real).

Quando você muda, o tamanho do bloqueio também muda, mas o impacto também é maior.

Quem não está crescendo, está morrendo.

Seja relevante, cresça!

Você é a pessoa mais importante do mundo.

Se o avião em que eu estiver voando com a minha família passar por uma turbulência, a primeira máscara é a minha. Primeiro eu coloco a máscara em mim, depois eu coloco nos outros.

A minha mãe não se achava merecedora das melhores coisas.

Quando você dá tudo o que você tem, você não prioriza.

As 4 chaves da relevância

Clareza do próximo nível:

  1. A clareza de que você vai ter ao crescer de nível é o combustível para você crescer. Tudo o que começar, termine:
  2. Você pode escolher qualquer caminho, mas não terminar o que não está conectado com o seu propósito. A vida é um funil:
  3. Ser relevante significa estar disposto a pagar o preço para estar ali. Não procurar por desculpas:
  4. Quem é bom em desculpas não é bom em mais nada.

O que está te impedindo de prosperar são seus bloqueios mentais.

Alguém conhece merthiolate? Alguém já foi enganado?

A origem dos bloqueios

Os bloqueios têm origem:

  1. Família.
  2. Escola.
  3. Sociedade.

Dos 0 aos 7 anos, as crianças adquirem bloqueios emocionais quando os pais olham para elas em sinal de desaprovação.

Na escola, tudo o que você viu, sentiu ou experimentou pode se tornar bloqueios.

O país também pode inserir bloqueios dependendo da cultura em que você vive.

Casa com 2 chuveiros

Alguém aqui mora ou já foi em uma casa que tem dois chuveiros e não pode ligar os dois ao mesmo tempo? Na hora que você fosse tomar banho, tinha que avisar todo mudo.

Isso acontecia porque se os dois chuveiros fossem ligados ao mesmo tempo, a chave desarma no padrão de luz e todo mundo ficava sem energia elétrica.

O problema é no chuveiro ou na fiação?

O chuveiro na nossa vida é o esforço que nós fazemos para melhorar o nosso intelecto.

Se você não arrumar a fiação, não adianta instalar outro chuveiro.

O que é a fiação? São os bloqueios emocionais que te impedem.

Trocar o chuveiro significa trocar de marido, emprego, negócio.

Todo comportamento tem uma intenção positiva.

Caixa d’água

Alguém já experimentou molhar as plantas usando uma mangueira velha?

Sabe quando você liga a mangueira e a água não sai?

Aí você olha no registro e vê que tem água na caixa d’água.

Depois você observa que tem um nó na mangueira.

Não adianta colocar a culpa na caixa d’água.

Você precisa tirar o nó da mangueira.

O que são os nós na mangueira? São os bloqueios emocionais que te impedem.

Encher a caixa d’água significa focar em coisas que não ajudam a resolver os problemas.

Quando você nasce você tem uma identidade que é imagem e semelhança com o criador.

Eu decido ficar livre dos meus bloqueios.

O que são os acontecimentos que causam esses bloqueios?

  • Repetição.
  • Forte impacto emocional.

Tipos de bloqueios:

  • Emocionais: tem o poder de destruir o que o intelectual construiu.
  • Intelectuais.

O poder do subconsciente

5% de força de vontade

  • Dia 1º de janeiro é o dia mundial da força de vontade. O esforço aqui é maior. A nossa mente começa as coisas por aqui.

95% de programação mental:

  • A programação mental é a forma como a sua mente funciona. 

Toda mente possui um general que tem a função de te proteger. 

  • O problema não é o general e sim o que está na sua mente. 
  • Se você escutou dentro de casa coisas negativas, quando você escuta os outros dizerem que você vai ser próspero, o general vai barrar essa informação.
  • A voz do general quer te manter estagnado.
  • Você vai ouvir o general o resto da vida.

Uma nova ordem: mande o general dormir.

Não deixe que as vozes lá de fora decidam por você.

Quando o pai te mostra algo, já é.

Fomos feitos para crescer e contribuir

Propósito:

  • O que eu amo fazer.
  • O que o mundo necessita.
  • Pelo que me pagariam.
  • O que eu faço bem.

A caneta serve para prender os cabelos mulheres? É para isso que a caneta foi criada?

Quando você vive o propósito que você não foi criado, você serve para muita coisa.

O que é que você está servindo?

Você é um projeto de Deus que foi feito para dar certo.

Pare de prender o cabelo e vai usar a caneta para escrever.

Quando a caneta sai do cabelo e não dá resultado, ela começa a questionar se esse é o propósito dela.

Você precisa tirar o bloqueio e não precisa fazer força.

Uma Ferrari e um Jeep foram projetados para situações diferentes. 

Se o projeto não estiver no lugar certo, não vai dar resultado.

A crise é coletiva, mas a prosperidade é individual.

Os 4 principais bloqueios

Cada um desses bloqueios impede você de prosperar e viver seu propósito.

Desejos:

  1. Auto imagem.
  2. Escassez.
  3. Relacionamento.
  4. Aprendizado.

Não existe vida bloqueada, existem caminhos bloqueados.

Difícil:

  • É muito difícil ser rico. Porque você tem que pagar à vista.
  • É muito difícil ser pobre. O pagamento é feito durante toda a vida.

Toda escolha que você faz, sofre a influência do ambiente.

Ambiente

Onde tem um ambiente, tem oportunidades e limitações.

  • Oportunidades.
  • Pessoas. As pessoas têm ideias, ações e resultados.
  • Limitação.

Tipos de ambientes:

  • Grupos de Whats.
  • Futebol com os amigos.
  • Colegas de trabalho.

Os ambientes que você frequenta mais te limitam do que te evoluem.

Você só aumenta a sua mentalidade quando muda de ambiente.

Um bom exemplo são médicos, dentistas e outros profissionais que se reúnem em congressos para aprender uns com os outros.

Meus bloqueios me param

Os bloqueios que tenho me impedem de avançar e ser tudo aquilo que nasci para ser.

Bloqueios de auto imagem

  • Quem tem problema com o pai, não se acha merecedor.
  • Tem medo da crítica, do que o outro vai falar, de se expressar e de errar.
  • Muito preocupado em agradar o outro.
  • Não gosta de falar não, e geralmente o não pode virar um sim.
  • Tem medo de contrariar o outro.
  • Vive dependendo da validação do outro.
  • Gosta de se dar rótulos.
  • Tem problema de merecimento.
  • Não se aceita ser mais do que os pais.

Quem tem problema de auto imagem se enxerga todo embaçado, é como se estivesse olhando no espelho depois do banho.

Bloqueios de aprendizagem

  • Péssimo em começar, acredita que precisa de algo para começar.
  • Sempre espera o mundo ideal.
  • Se não enxergar o caminho todo não vai.
  • É perfeccionista e teórico.
  • Tem raiz na justiça, quando o pai promete alguma coisa e não cumpre.
  • A injustiça faz com que você desista dos seus projetos, e vem de pessoas que você ama.
  • Vem de muita exigência.
  • Ama certificados.

Se você não tem bloqueios, Deus vai te buscar.

Bloqueio de escassez

  • Medo da pobreza (pode ser rico ou pobre).
  • O foco é no que falta.
  • Incerteza quanto ao futuro (pé no chão).
  • Acha que a condição financeira é o que manda.
  • A falta de dinheiro é o sintoma.
  • A escassez é um hábito.

Bloqueio de relacionamento

  • Se manifesta através dos ciúmes.
  • Fechado para outras pessoas.
  • Medo de perder o amor do outro.
  • Problema com a mãe.
  • Pessoa carente e vitimista.
  • Raiz de rejeição pesada.
  • Sufoca o outro no relacionamento.
  • Não consegue se relacionar com pessoas de um nível mais alto.

Pega essa

A vida é como o mar e as ondas são as emoções. A mesma onda que é problema para uns, está sendo surfada por outros.

Você é um projeto de Deus criado para dar certo. A vida é feita de escolhas e decisões.

Dor é um processo de mudança. A dor é inevitável, o sofrimento é opcional.

Usar bem a inteligência para escolher o que vai por na sua máquina chamada cérebro.

Você precisa dar o primeiro passo. Que impacto que você está causando no mundo?

Um sintoma da crítica é a inveja.

Associação cognitiva é quando você olha para uma pessoa e não vai com a cara dela.

Se você está vivendo o seu propósito, prosperar é natural. É a lei da semeadura.

Chegou o momento de você crescer como nunca cresceu antes.

Você vai precisar abrir mão de alguma coisa para crescer. Toda mudança começa na consciência.

Quem viveu os anos de 2017, 2018, 2019, 2020 e 2021? Quem viveu um ano que se fosse uma repetição dos últimos cinco anos?

Você não pode se contentar com migalhas.

Ganho primário: 

  • Faz você crescer.
  • Você faz um sacrifício no início para ganhar alguma coisa lá na frente.
  • O ganho primário está relacionado com o seu propósito.
  • Quando você decide o ganho primário, você conquista tudo que é secundário.

Ganho secundário:

  • Te mantém onde você está.
  • O que te segura no nível em que você está é o ganho secundário.

O crescimento é exponencial, é quando você vai para o próximo nível de verdade.

O pior crescimento é aquele que você acha que está crescendo, mas não está. Exemplos: dissídio coletivo, aumento de 10% do salário.

2 aspectos para o próximo nível

Desapegar é ir para o próximo nível.  Como você faz? Desapega.

É preciso trocar de escada e pagar o preço por isso. Quando você troca de escada a dor é maior.

Pior para melhorar. Todo evento tem um sacrifício. Na vida tem que piorar para melhorar. Exemplo: pessoa que faz uma cirurgia plástica.

O seu tamanho diz como você se relaciona com os problemas. Você só tem aquilo que cabe na sua mente.

Quanto mais você se esvazia de você, mais você se enche de Deus. Quando você faz, as outras pessoas te olham com outros olhos.

Estágios:

  1. Profissional.
  2. Carreira (pensa na jornada).
  3. Propósito (a carreira está alinhada com o propósito).
  4. Transbordo (tem vários negócios).

Você não é um título que estudou, você é filho do dono do mundo.

Você precisa ter 4, 5, 6 fontes de renda.

História da garapa. A cana é sua mente, a máquina de moer cana é o seu corpo e a garapa é o seu resultado.

Os pilares da vida

  1. Espiritual.
  2. Emocional.
  3. Mental.
  4. Propósito.
  5. Relacionamento.
  6. Riqueza.
  7. Físico.

Reflexões

  • O que dá sentido para a vida não é a conquista e sim a evolução.
  • Quem não está crescendo está morrendo.
  • Velocidade é networking.
  • Analogia com o celular que precisa excluir arquivos para liberar espaço na memória. 
  • Quanto mais perto você está, mais quente você fica.
  • Não existe falta de dinheiro, existe falta de atitude.
  • As pessoas que você está ferindo, vão se ferir e vão ferir os outros.
  • Todos os dias nós tomamos 1.200 decisões.
  • Quem está no comando das decisões?
  • Quantas decisões o general toma?

Decisões:

  • Você: recurso, capacidade real, sua identidade toma a decisão.
  • General: Interferência na sua vida, justificativa real, algo que você acredita.

E aí, o que achou? Acrescentou alguma coisa pra você? Comente abaixo.

About Author

Marcos

Empreendedor e fundador da Impactar. Tem mais de 10 anos de experiência profissional e acadêmica. É formado em marketing com especialização em gerenciamento de projetos e gestão de negócios. Acredita fortemente no poder de mobilidade social do marketing digital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Call Now Button